Rottnest Island: pedale ao redor dessa ilha paradisíaca na Austrália

Porpoise Bay, na Rottnest Island, oeste da Austrália (Foto: Thais Sabino)

Conforme prometido, cá estou eu para falar de Rottnest Island, perto de Perth, no oeste da Austrália. São 19 quilômetros quadrados de muita natureza, história e praias paradisíacas. Rottnest fica a 18 quilômetros de Fremantle e o acesso à ilha é feito via ferry que parte de Elizabeth Quay e Fremantle diariamente. Eu viajei com a Rottnest Express – que de “express” não teve nada, já que escolhi embarcar em Perth e levei horas até a ilha – e paguei AUD 119, já com aluguel de bicicleta para explorar a Rottnest e máscara para mergulho.

Antes de falar mais sobre esse lugarzinho, algumas curiosidades: Rottnest se separou da Austrália continental há cerca de 7 mil anos, por conta da elevação do nível do mar. O animal típico de lá é o quokka, que parece uma mistura de rato com canguru. E foi esse bichinho que inspirou descobridores a criar o nome da ilha, o “ninho de ratos”, Rottnest em holandês. Na época, eles não sabiam que esses marsupiais não eram ratos.

Rottnest Island, oeste da Austrália (Foto: Thais Sabino)

Não há carros na ilha, então uma boa forma de conhecer Rottnest é de bike. Também há opção de ônibus circulares, mas preferi pedalar. O percurso ao redor da ilha tem cerca de 20 quilômetros e levei pouco mais de uma hora para concluir o trecho. Claro, que fiz algumas paradas para mergulhar e fugir um pouco do sol, e passei o dia pedalando. Desembarquei em Thomson Bay e já peguei a bike.

Little Salmon Bay, na Rottnest Island, oeste da Austrália (Foto: Thais Sabino)
Little Salmon Bay, na Rottnest Island, oeste da Austrália (Foto: Thais Sabino)

Minha primeira parada foi em Porpoise Bay, onde dá para ver um barco que naufragou em 1939. A água é gelada, mas incrível. Depois, segui para Little Salmon Bay, considerado um dos melhores lugares na ilha para nadar e fazer snorkelling. É uma piscina de água cristalina com vários peixinhos para observar. Segui em direção a Salmon Bay , Stark Bay, Catherine Bay e Little Armstrong Bay. Continuei pedalando até The Basin, outro ponto de parada que super recomendo para dar um mergulho.

A pedalada não é cansativa, mas se você for no verão, vai sofrer com o calor. Chegou um momento que eu estava tomando banho de protetor solar. Mas tirando o solzão, foi um passeio maravilhoso, com vários mirantes e paisagens incríveis. O centrinho da ilha, em Thomson Bay, tem restaurantes, cafes e sorveteria. Também é possível se hospedar em Rottnest, que não é uma má ideia.

Rottnest Island, oeste da Austrália (Foto: Thais Sabino)

QUER AJUDA PARA SUA PRÓXIMA VIAGEM?

QUER AJUDA PARA SUA PRÓXIMA VIAGEM?

Entre em contato, opine e participe com sugestões para o blog

Sending

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *